DIY: Como fazer capa de vacinação feito em E.V.A



Oi Gente!

 É hoje vou ensinar você a fazer essa capa de vacinação feito em E.V.A. Você pode fazer quanto para caderno ou agenda também.
Super fácil e rápido, assista o vídeo até o final. 








MATERIAIS:
Tesoura
Regua
palito
cola instantanea ou cola quente
Perolas, florzinhas, etc...
E.V.A 


Não e inscrito no canal? Inscreva-se já e fique por dentro de todas as novidades. AHH, toda semana tem video novo no canal.
Espero que tenham gostado, beijos.

Nacionalidade Espanhola da minha filha, como eu consegui?


Oi, Gente!


Então pessoal, para quem não sabe eu moro na Espanha a 9 anos. Estou compartilhando com vocês minha experiência, de como consegui a nacionalidade espanhola da minha filha, de como foi o trâmite e quanto tempo demorou.  Se quiser saber e so continuar assistindo. 







É você já e inscrito no canal? Se inscreva e receba todas as novidades em primeira mão. Te espero lá. 
Deixe seu comentario, beijos

Minha experiência na Espanha + Minha chegada!




Oi Gente!

Tudo em com vocês? Post de hoje vou falar sobre minha experiência na Espanha. 
A decisão da minha mãe vim morar e conhecer Europa, sempre foi o sonho dela e segundo ela veio pra ''tentar'' esquecer ou amenizar a dor, pois havia perdido seu filho (meu irmão) eu tinha apenas 7 anos e ele 17 anos. Então ela pensou que vindo pra Europa ela iria esquecer ou amenizar a dor, mais ela viu que a perda de um filho jamais  se esquece e nenhum ocupa aquele lugar. 
Somos 4 irmãos, sou a unica filha mulher. Passou alguns anos e depois de tudo que ela passou, noites e dias trabalhando para dar o melhor para meus irmãos e eu, ela resolveu me buscar no Brasil para vim morar com ela. Depois de tudo que ela passou ela continuo firme e forte para nos dar o melhor e assim foi. Assim que
ela 
estava estabilizada e casada com um espanhol ela resolveu ir me buscar. Minha mãe já morava aqui na Espanha até mesmo antes de ir me buscar. Minha mãe tinha me perguntado se eu queria ir morar com ela, (Aqui na Espanha) Falei que sim, porque sempre fui apegada com ela. 


Minha mãe e eu

Em 2008, dia 18 de agosto foi nossa despedida de todos os nossos seres queridos. A despedida acabou com nos, e a parte mais difícil. 
Minha primeira conexão na Europa foi em Paris e a  ultima conexão seria em Madrid, Barajas.  Ficamos na casa de um amigo espanhol. Depois de 3 dias fomos para Sevilla onde o ex marido da minha mãe foi nos buscar. E nosso destino final era na cidade Algeciras (Cádiz) 

Minha chegada: Os primeiros dias eu me lidei bem, mais passou uns dias eu troquei o chip e queria voltar pro Brasil porque sim, chorava, esperniava, dava birra...pelo simples fato de não conhecer, achar tudo estranho e não entender nada. Cheguei em Agosto e em novembro já estava estudando. (Aqui e obrigatorio estudar ate os 16, você legal ou ilegal) a partir do momento que comecei a estudar, comecei a me conformar mais...apesar de não entender nada. O bom que na escola eles te ensina o espanhol e com 4 meses eu aprendi, ja entendia e falava bastante coisas. Com o tempo fui aperfeiçoando e falando fluente. Hoje em dia eu falo fluente pareço até uma espanhola, HAHA. Des de então eu comecei a fazer amizades, fui começando a entender o idioma e aos poucos as coisas foi se ajeitando e eu fui me adaptando.  Terminei meus estudos, mais em breve estarei voltando. Pretendo estudar Maquiagem profissional e enfermagem. Sou casada e tenho uma filha de 8 meses (Ela e espanhola).
Mais no começo imagino que e difícil e muito complicado para todos. Os anos foi se passando e eu estou aqui a 9 anos já, é quem diria, ne? HAHA

Depois de 7 anos sem ir ao Brasil, resolvi ir  em 2015 fui a passeio, e esse passeio durou muito viu HAHA fiquei 11 meses de férias. Depois voltei, mesmo estando ilegal, me arrisquei vim com a ''cara e coragem'' atualmente estou Legal.  




Minha FAMÍLIA, presente de DEUS

Conheci muitas cidades da Espanha E Outros paises. São muitos momentos que passei bons e ruins. Da para fazer ate um livro se eu for contar tudo. 

                                                                     Em Paris

Primeira vez que eu conheci a neve 

Só tenho agradecer a Deus e a minha Mãezona por sempre pensar no melhor para os filhos. É hoje sou muito grata por ela ter feito todo esse esforço e por hoje estar aqui em poder me formar, ter uma carreira em dar um futuro melhor para minha filha. No Brasil não teria esse ''Luxo'' que eu tenho aqui. Em questão de segurança, saúde, paz. 
Quando Deus tem um propósito na sua vida ele cumpre pode ser aqui no Japão  mais ele cumpri. 

É no meu ponto de vista Espanha e um país com sua cultura e costumes. Eu sou suspeita até em falar, pois eu amo esse País. Não tenho nada a reclamar, só agradecer. É cada um tem sua experiencia e um modo de pensar, aqui deixo a minha e espero que você nos conte a sua. 

DICAS: Para quem quer vim, esteja preparado fÍsiscamente quanto psicolÓgicamente, pois não é fácil, ainda mais se você vem sozinho...Pensa que e outro mundo totalmente diferente do seu. Aqui e onde filho chora e mão não vê, onde se passa dificuldades, lutas, momentos tristes e felizes...Vai ter dia que você vai querer desistir mais você pensa naquela pessoa que precisa de você ai e onde você terá mais forças ainda para lutar e dar o melhor. 
Traiga o máximo de dinheiro que puder pois não sabemos o que pode passar...e sempre bom ter uma reserva do que não ter nada. A vida de um ''ilegal'' não e fácil, as vezes haverá trabalho e as vezes não, não e nada ''fixo'' são apenas bicos, mais com isso da pra ir se virando e vivendo até as coisas se ajeitar. 
Eu nunca passei por dificuldade, Graças a Deus, mais não desejo que ninguém passa...Minha mãe sempre me deu tudo, agora que eu sou casada eu sei um pouco do quanto as coisas custa para ter.

Uma palavra chave que eu sempre digo: Não desista e persista, sem luta não há vitória. Desejo boa sorte a todos que queira vim e tentar uma vida melhor. Seja Humilde sempre.

    Deixe um comentario contando a sua experiência, gostaria muito de saber. Espero que tenha gostado, se gostou compartilhe e volte sempre. Beijos.

COMO FIQUEI LEGAL NA ESPANHA?

Oi Gente!

AGORA TODA SEMANA VAI TER POST NOVO NO BLOG, EEEEH <3


Tudo bem com vocês? Estava sumida por motivos pessoal mais agora estou de volta trazendo muitas novidades e assuntos interessantes que você vai gostar. Segue o blog e fique ligadinhas/os em tudo.
Olha esse vídeo, lá explico como minha filha conseguiu a nacionalidade. CLIC AQUÍ!

Muita gente me pergunta, como você ficou LEGAL na ESPANHA? 

Vou resumir em palavras como foi que fiquei legal na ESPANHA. 
Esses 9 anos que vivo aqui foram ilegal, faz um mês que estou legal. Muitos me perguntam, 9 anos ''ilegal'' ? Como assim? Isso mesmo. Vim pra cá quando eu tinha 12 anos de idade, minha mãE foi ao Brasil me buscar em 2008. Eu já sabia que iria vim a morar, até porque ela era casada com um espanhol. Cheguei em agosto e em novembro já estava estudando. Aqui pra te colocar em uma série eles olham pela idade. Eu na época tinha 12 anos e eles me colocaram na sexta serie, mais em realidade eu tinha que ter ido ao 1 ano de la ESO ( Educación Secundária Obligatória ) Mais como eu não sabia o idioma eles me colocaram em um ano menos. Aprendi o idioma em 4 meses. 
Aqui os estudos vai até o 4 DE LA ESO. Então eu terminei meus estudos e parei. O motivo foi porque eu engravidei e casei. Não me arrependo. Esse ano volto a estudar e com fé em Deus em breve vou me formar. 





Minha gravidez não foi planejada é não me arrependo hora nenhuma. Filho e benção, presente de Deus. É então eu fiquei sabendo que filhos de brasileiros que nasce na Espanha tem direito a ficar LEGAL no pais ou seja tem direito ao NIE ( Número de indentidad del extranjero ) É um codigo para a indentificação tributaria dos estrangeiros em Espanha. Com esse NIE vou ter o permiso de residencia y trabalho por um ano. Depois de um ano tenho que renovar. O que e preciso para renovar? Assim que você pegar o nie, você terá que cotizar. O que e cotizar? Cotizar  seria a cotação. 

 Trabalhar 6 meses com carteira assinada ( Contrato de trabajo ) com tantas horas semanais, a maioria das vezes no contrato coloca sempre 40h/semanal, depende da empresa que vai te contratar.

É obrigatório cotizar? SIM. PORQUE? Porque assim é uma maneira de você trabalhar e ajudar a contribuir com o país. Sem falar que se você não trabalha o minimo 6 meses com contrato de trabajo comprovando a suas horas e meses trabalhado, no dia que você for renovar o seu NIE, simplismente eles não vão renovar é você perderá todos os direitos da Espanha, e voltará a ficar ilegal. Por isso eu aconselho que assim que você pegar o  documento, já começar a entregar curriculum e trabalhar. Se para os que tem papel já e meio difícil imagina para os 'ilegal''. 

É foi atraves da minha filha que eu consegui legalizar aqui na Espanha. O pai dela e eu somos brasileiros. É filhos de brasileiros que nasce na Espanha tem direito a ficar legal, pelo simples fato dela ter nascido aqui e ser espanhola. No caso minha filha ela não tem o NIE ( que e o numero de indentidad do extranjero ) ela tem o documento espanhol que e o DNI ( Documento Nacional de Indentidad ) Mais ouvi falar que em algumas cidades já estão negando a nacionalidade espanhola. Assim que chega  a nacionalidade espanhola do filho/a de vocês eles já entregam a certidão de nascimento comprovando que ela já e espanhola.

PEGUEI A FOTO DA INTERNET PARA VOCÊS VER O DOCUMENTO ESPANHOL (DNI)



Gente, não vou mentir, entre comprovar que minha filha não nasceu no Brasil, (Eles pede o NO NACIONAL ) onde afirma que sua filha/o não nasceu em territorio brasileiro (Demorou 20 dias) nacionalidade dela ser aprovada ( Demorou 2 meses em chegar ) depois ir fazer o DNI (Eles faz na hora) Pra fazer o DNI eles pedem a certidão de nascimento. Depois que tiver tudo em mãos os documentos da sua filha, é que você poderá dar entrada no seus papeis. 
1. 20 Dias pra chegar os antecedentes penáis do Brasil
2. Ir a estrangeria levando todos os documentos da sua filha + os antecedentes
3. Terá que pagar uma taixa no valor de 37,60€
4.Levar a estrangeria novamente comprovando que pagou. É a partir de ai eles já começa a dar entrada no seus papéis. 
5. Você já sai de lá com uma folha com o número do seu nie, essa folha é a solicitud comprovando que você já deu entrada. 
6. Nesse papel coloca que pode demorar até 3 meses em dar uma resposta, se eles iram aprovar ou não. 
7. Assim que chegar a carta de resolución. Que é a carta onde eles confirmam se você foi aprovado ou não. Uma vez chegou essa carta dizendo que foi aprovado, você terá que marcar cita na Policia Nacional para ir fazer as digitais do seu novo NIE. Eles já te mandam um papel conforme você tem que pagar uma taxa de 15,60€ antes de ir na Policia Nacional. Ao sair da PN eles já te dão um papel com o número do seu NIE conforme você já está legalizado na Espanha com o direito de morar e trabalhar. (Eu fui sem pagar eles fizeram eu ir no banco pagar para depois ir lá novamente, voltei no mesmo dia ) Feito as digitais o prazo máximo e de 30 dias para sua tarjeta chegar. Um dia ou dois dias antes você tem que marca cita na policia nacional pela internet para poder ir buscar a tarjeta no dia seguinte. 
Eu comecei a dar entrada nos papeis da minha filha em março e em total até sair os meus demorou aproximadamente 6 meses. UFFA
Demorou mais meu sonho e do meu marido se realizou, ne? É uma vitoria, só de conseguir estar legal em um país totalmente diferente do nosso, da cultura...já é um motivo muito grande em estar feliz com essa conquista que não é e nunca será fácil. DEUS EM PRIMEIRO LUGAR SEMPRE. 

DEPOIS DE 2 ANOS DE NIE, VOCÊ PODE DAR ENTRADA NA NACIONALIDADE ESPANHOLA. NO MEU CASO EM 2019 POSSO DAR ENTRADA.

PEGUEI A FOTO DA INTERNET PARA VOCÊS VER O DOCUMENTO DE ESTRANGEIRO (NIE)


Espero que tenha ajudado, tirando algumas dúvidas. Gostou do post? Compartilhe. É qualquer dúvida ou pergunta pode deixar nos comentarios que estarei respondendo com maior prazer. Volte sempre.

Saúde pública na Espanha


Oi Gente!

Durante esses nove anos aqui na Espanha, eu vim como ''turista'' com a intenção de vim para morar.
Levo nove anos morando em Espanha é sou até suspeita de falar, ne? HAHA Eu sou bem realista com as coisas e gosto de deixar tudo muito esclarecido. 

A uns anos atrás eu fiz minha tarjeta de salud para consultar (Cartão de saúde) na época fiz com o passaporte. Todo estrangeiro tem direito a saúde pública na Espanha. ( Em algumas cidades da Espanha, já se paga por ser atentido em hospital público)
Saúde pública na Espanha é bem-vista e os espanhóis lutam por ela

Como funciona? Como em todo pais, cada pessoa tem um cartão de saúde. Para isso você deve estar empadronada.  Assim que dei entrada no meu cartão de saúde demorou um mês em chegar, mais antes eles te dão um código com o número do seu cartão até chegar o original. Mais hoje em dia está mais difícil fazer fazer o cartão de saúde. (Pelo menos aqui onde eu resido) Estão pedindo um certo tempo de moradia no mesmo lugar, ou seja que pelo menos você tem que estar 3 meses empadronada no mesmo lugar onde você reside. (Falo por experiência, meu marido teve que comprovar com o certidão de empadronamiento, comprovando realmente que ele estava empadronado naquele lugar durante os 3 meses) Com o certidão de empadronamiento e com o passaporte, você poderá dar entrada no seu cartão de saúde.
Quando você quiser marca uma consulta basta você ligar e marcar. No máximo eles demora duas semanas em marcar. Primeiro você será encaminhado para um médico de cabeceira para avaliar seu caso. Conforme for, ele te encaminhará a um especialista. Nunca marca consulta diretamente a um pediatría, por exemplo, você primeiro tem que passar pelo seu médico de cabeceira. Veja como é o cartão de saúde daqui. ( No meu caso esse cartão é válido so para Cataluña, não serve em outras cidades da Espanha...Mais com o meu número da afiliación, no caso o número de afiliación seria o mesmo que o número da seguridad social. Então eu posso ser atendida em qualquer hospital da Espanha apenas com esse número)
O que e o numero de afiliación, seguridad social? 
Após você solicitar seu NIE ( Número de indentificação do extranjero ) automáticamente eles te dão esse número de afiliación e com esse número você vai precisar prácticamente para fazer ''tudo'' aqui na Espanha. Principalmente para uma pessoa te contratar com carteira assinada, sempre te pediram o número da seguridad social. ( Só consegue as pessoas que tem o NIE, ou seja que esteja legal no pais)



Para emergências, você pode ir ao mais próximo à sua casa. Não fui nenhuma e nem duas vezes a emergência não, foram muitas e muitas vezes, ainda mais quando estava gestante. Vivia práticamente la dentro (Minha grávidez foi de alto risco)
Em emergência antes de você ir a sala de espera, primeiro você passa pela enfermeira, ela medirá a sua pressão, febre, em fim...e logo após você irá esperar na sala de espera. 
Era até inacreditável, era so eu chegar em emergência, eles ja encaminhavam para o ginecologista. O bom que a mulher quando esta gestante ''tem mais previlégio'' que qualquer outra pessoa. Pelo menos no caso das gestantes era assim. Fora isso eles demoram (30 minutos de espera). 

Na minha opinião a saúde pública na Espanha é excelente. Os hospitais são muito limpo, tudo bem organizado. Eu optei pelo o hospital público porque não tem muita diferença do particular, não. A única diferença do público para o particular e que você pode ligar na hora que você quiser, será atendido de inmediato e é mais cómodo. 
Uma comparação dos hospitais daqui com os hospitais do Brasil. Um hospital público aqui no Brasil equivale a um particular. Não pagamos nada.
Esse foi o hospital que minha filha nasceu, o atendimento foi ótimo não tenho nada a reclamar. O bom de tudo que foi um quarto pra mim sozinha, com banheiro e TV. Aqui na minha cidade os quartos não e dividido, é um quarto para cada mamãe. Com direito a visita de dia e a noite um acompanhante para dormir no quarto. ( A televisão tem que colocar 4€=14,40 Reais e dura 24 horas) 


 Nome do hospital: Arnau de VilaNova, por fora do hospital.


                                                       ENTRADA DO HOSPITAL



Vejam as fotos do quarto que fiquei assim que ganhei minha filha, OBS: É hospital público.

Tem um armario pequeno la no fundo, para colocar sua roupa, etc...

Cama articulada motorizada Cadeira preta ao lado e do acompanhante, 
ela deita, faz tipo uma cama. 



A caixinha banca que você está vendo debaixo da televisão é onde coloca
as moedas! Coloco 4€ e dura 24 horas. A porta ao lado e o banheiro. 

Esse ferro encima da cama e para você segurar quando for querer levantar
ou mudar de posição. Perto da pia tem tipo uma cómoda, mais não e. É o 
trocador de bebe. 

OBS: Eu tive minha filha de parto normal, fiquei dois dias no hospital. Eles
me deram absorvente pós-parto, gases e alcohol foi por conta do hospital.
Contando que tem café da manhã, almoço, lanche da tarde e janta. 

Para a maternidade eu levei as coisas básicas e na verdade eu só usei dois par
de roupas, as fraldas, uma coberta ( porque ela nasceu no inverno ). Levei
sabão líquido, perfume, toalha...e não precisei nada disso. Inclusive o hospital tinha
a roupa do bebe. (Mais quis colocar a minha, óbvio) Não precisei de mais nada do
 que eu tinha levado. VEJA A LISTA DO QUE EU LEVEI- Tendo em conta também
que os hospital daqui e diferente dai do Brasil... 



LISTA PARA MATERNIDADE

Alcohol 70 
Perfume, sabão
Fralda RN
Toalha
lenços humedecidos (hipoalergénicos)
3 par de roupa
3 macacões tamanho RN
bodies ou camisas tipo pagão
calças com pé (mijão)
manta de algodão
xales de linha ou lã (pode ser um só, especialmente se estiver calor)
casaquinhos de lã, de preferência com botões na frente e que não tenham que passar pela cabeça
Fraldas de tecido para apoiar no ombro ao colocar o bebê para arrotar
pares de meias, se estiver muito frio.

É bastante roupa, mas os hospitais pedem roupinhas reservas para garantir que não haja imprevisto.
Lembre-se de lavar tudo antes com sabão de coco ou neutro e de separar as roupas que sejam adequadas
 para a época do ano. 

O QUE LEVAR PARA VOCÊ

Chinelo ou sandália de dedo
Sutiã de amamentação
Lembrancinha e enfeite de porta ( Se quiser )
Absorventes para os seios
Absorventes pós-parto
Roupa para a saída do hospital
Calcinhas grandes e confortáveis 
camisola ou pijama com abertura na frente 
Máquina fotográfica
Produtos higiene pessoal
Penhoar
Meias


ATENÇÃO: Além da mala, na hora de sair de casa há outros itens que você deverá se lembrar 
de pegar. Faça uma lista e deixe bem visível para verificar, na pressa de sair, se não esqueceu nada:

  • Documentos pessoais
  • Carteirinha do plano de saúde
  • Cartão de pré-natal ou carta do médico com informações do pré-natal

Espero que tenham gostado do post e que tenha sido útil. Deixei seu comentario abaixo, é muito 
importante saber o que você achou. Volte sempre.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...